Arquivo da tag: facebook

Os 93% do Facebook

Quem cochicha o rabo espicha e quem se importa o rabo entorta.

Tá aí uma grande verdade.

Mas venho compartilhar com você, leitor do MDJC, uma questão que me intriga.

É relativo ao nosso querido Facebook.

Presumo que volta e meia alguém o convida para ser seu “amigo”.

Por vezes é até um camarada mesmo, mas normalmente, são conhecidos que temos afinidades, ex-esquemas de tempos atrás, parentes, colegas da época da escola, e uma grande parte que nem lhe cumprimenta por aí.

Mas digamos que você é seletivo.

Adiciona somente quando acredita rolar certa consideração recíproca.

Mesmo assim, sinto lhe informar: Não adianta, jogador… tanto faz se você possui em sua lista 4 mil pessoas ou 200, irá sempre se deparar com

 

OS 93% DO FACEBOOK!!!

 

Exato.

Constatei em minhas pesquisas que 93% não curte o que você posta, não comenta, não compartilha e nem fala contigo no bate-papo. E nem responde direito!

Desde perfis pessoais de desconhecidos, até famosos como o Will Smith e seus 34 milhões de admiradores, fanpages de grandes marcas, ou a personagem dos palitos de dente, Gina Indelicada, que já alcançou a marca de 900 mil curtidas por suas divertidas postagens… todos eles recebem no máximo 7% de feedback.

Até o MDJC, com seus quase 800 jogadores e jogadoras, confirma esse dado. Pode ir lá ver.

Fico me perguntando, por que será?

Tudo bem, acredito que temos o direito de participar dessa mídia social da forma como acharmos mais satisfatória para nós mesmos.

Só que fala sério… 93% é quase todo mundo!

Da onde vem tanta apatia??

Seria timidez em se manifestar?

Mas é só apertar “curtir” aqui, dar um “ai” ali.

Ficar em cima do muro é coisa de coruja e não de ser humano.

 

Sinceramente, está faltando mais conexão. Mais tesão em interagir com os outros, fazer piada, debater uma tese, incentivar e expor ideias, partilhar informações (interessantes ou bobinhas), enfim… Dizer ao mundo que está vivo!!!

Já pensou se você curte um trabalho de seu amigo e outra pessoa da sua lista que é envolvido com aquela área vê, se interessa e o contrata, simplesmente por causa de sua curtida? Percebe o poder dessa ferramenta?

Não consigo entender o que se passa na cabeça de um sujeito que lhe adiciona como “amigo” e parece mais um finado, um zumbi, sei lá!

Imagino somente duas hipóteses:

1- É um espião que observa à sua vida com olhos de invejinha para ficar de ti-ti-ti pelas costas

2- O sujeito/fulana quer dar uma dewow tenho 2 mil amigos, eu sou legal, vejam!

 

Tem também aquele que quase nunca acessa.

Porém, pode ter certeza, assim como uma raposa que age na calada da noite, vez que outra ele vai de cantinho e espia seu perfil.

Ahhhh!!! Sai da moita tatu!!!!

Tanto faz se você publica apenas fotos de comida, montagens engraçadas, música, bebedeira, vídeos, trabalho, piadas… mesmo se for uma dondoca que bate foto se olhando no espelho com um decote gigante e fazendo biquinho… ou um eterno apaixonado que se declara todo dia à sua amada…

Bem que você podia parar um pouco de falar de si mesmo e contribuir para o dia de seus conhecidos.

 

Pois a questão é, o que você prefere?

Ser dos 7% que interagem de alguma maneira, mesmo que particularmente,

ou dos 93% de espiões que por diferentes motivos estão presos na zona de conforto, sem tomar qualquer tipo de atitude no facebook e provavelmente em suas vidas?

 

Abraço do DON

*comenta aí jogador!


Dia dos namorados e alguns fatos

Passado o dia em que muitos festejaram o amor e outros lamentaram a sua falta, o MDJC apresenta fatos interessantes decorrentes desta data.

Começamos pelo maior destaque: facebook.

“Por que eu te amo? Bom, desde aquele dia blá blá blá….”

“Essa é a minha rainha!”

“Meu thuco, fofo, trálálá”

O que é isso?

Estão se declarando para a pessoa ou para uma plateia???

Sério, sério?

Devem achar que estavam  tipo nos filmes da sessão da tarde em que o sujeito explana seu amor em frente a um estádio de basebol lotado.

Gostaria de ver quantos desses apaixonados facebookianos realmente surpreenderam seu parceiro ou tiveram um momento especial à sós.

Sinceramente, se você quis atingir uma ex-peguete ou ex-namorada, talvez até tenha dado resultado. Do contrário, pura banalidade (salvo raras exceções).

 

Depois vêm aquelas solteiras que tiveram crise de carência.

Ficaram se lamentando com as amigas…

Ou sozinhas comendo chocolate e assistindo à titanic com os olhos cheios d’água.

Indignadas com os pombinhos do facebook, postaram coisas do tipo “antes só do que mal acompanhada!!!!”

Ué?

Na balada elas se acham a última bolacha do pacote. Fazem até cara de nojo quando algum jogador apenas tenta puxar assunto…

Foi lá e trocou o carinha sangue bom que estava ficando para curtir apenas uma noite com o bad boy.

Agora culpa o mundo por estar sozinha!

O mais engraçado nesses casos é que algumas ficam apavoradas com a suposta solidão desta data e correm para que alguma amizade colorida aqueça seu coraçãozinho.

 

Complicado mesmo é a situação dos “ficantes”.

Aqueles que estão de rolo há mais ou menos 1, 2 meses.

Aí chega o maldito dia dos namorados.

Vix!!!!!

“Saio com ela? “

“Peço em namoro?”

“Nem ligo?”

Essas dúvidas tiraram o sono de muita gente anteontem.

Teve o cidadão que já estava na intenção e aproveitou a oportunidade para tentar firmar o compromisso, mas a garota não quis.

Da mesma forma, ficaram na vontade várias senhoritas esperando a proposta que não veio nunca.

 

Imagina então para quem decidiu levar sua gata no lugar mais manjado de todos, o MOTEL?

No mínimo pegou uma fila danada, no máximo, desistiu!

Poucos não devem ter sido aqueles que no fogo da atração começaram o rock’n’roll por ali mesmo e o jeito foi acabar no acostamento.

 

Constatações à parte, o MDJC espera que todos os namorados se amem em qualquer data do ano além do dia 12/6, e em qualquer lugar fora o facebook.

Quanto aos solteiros, esperamos que valorizem e curtam a pessoa mais importante do mundo: vocês mesmos. O resto é consequência.

 

Abraço do DON


Análise do JC= Indiretas ou DIRETAS?

“Então tenho uma duvida sobre comportamento feminino e acho que não teria ninguém melhor para me responder. (assim vou ficar convencido hein?!)

Estou enrolado com uma mulher a gente ficou uma vez e resolvemos manter contato, mando de vez enquando mensagem no celular as vezes ela responde, quando ela manda as vezes eu respondo ela também, por que creio eu que ela esteja ocupada como eu também estou para não responder, e quando ela não me responde também não fico enchendo o saco esperando uma resposta, pra mim respondeu bom, não respondeu também não fas diferença. (desde que não seja uma pergunta que foi enviada, está certo. Aliás, perguntas, quanto mais importantes, mais devem ser feitas por meio de telefone ou pessoalmente)

Às vezes quando ela ta online no face ela nunca puxa um assunto, creio que ela espera por minha atitude, as vezes quando puxo assunto ela me da um bom raport (sintonia), mas tem dia que parece que ela espera só eu entrar e puxar assunto pra me da um gelo e começar a descascar os homens postando coisas feministas ou que ela acha que vá fazer um efeito tipo : “” Não é ser fria, é ser cuidadosa. Não é ser grossa, é falar a verdade. Não é ser metida, é ter amor próprio. Não é ser difícil, é ser seletiva. Você precisa ser mais franca e esperta. Tanto homem por ai querendo uma mulher interessante igual a você, e você ai perdendo tempo atrás desse menino? Acorda amiga, mulher precisa de homem, e homem precisa de mulher. Meninos só precisam de uma mãe e um playstation. ” (que agressiva hein?)

E eu simplesmente acho isso engraçado, no dia que ela coloco isso, tambem colocou varias outras coisas ai eu resolvi postar “”eu hem credo da ate medo kkkkkk !!!!!”” (mandou MUITO bem, usando humor e dando um chega pra lá) no mesmo minuto ela curtiu meu comentário e postou “” Agora eu posso sair xau pra quem fica “”….. (sentiu que não está lidando com um menino e sim um jogador).  mais um detalhe, meu computador fica ligado o dia todo fazendo download e aki em casa tem uma oficina onde eu ajudo meu tio, quando n tem nada pra fazer eu venho mexer um pouco ai eu abro o face esqueço aberto, o mesmo acontece as vezes quando vou para academia, ai ela entra acho que fica um bom tempo esperando eu puxar assunto, e eu não puxo por que nem em casa eu to….. (isso é um fato que pode estar acontecendo mas o que ela pensa ou não, é problema dela) Ah ela tem 23 e eu 19 ……


Bom valeu Don Brigadão !!!!!!!

Acho divertido esses comentários feministas.

Apesar de tentar mostrar uma aparente sabedoria sobre o jogo, na verdade provam que estão com a mente ocupada pensando em NÓS e tendo atingir alguém.

Deixa eu ver se entendi…

Vocês ficaram uma vez e só. Aí agora está esse contato meia boca, certo?

Não posso dizer com propriedade como é a vida amorosa dela.

Pode ser que já tem outro cara no lance, pode ser que ela esteja louca por um convite seu.

O negócio é ser objetivo jogador, pois é isso que somos.

Decide de uma vez se está afim de dar uns pegas de novo e faz um convite forte. Não por mensagens ou facebook, mas por telefone.

Afinal de contas, qual o motivo de manterem contato depois de uma ficada?

Talvez seja por isso que lhe chamou de menino indiretamente (caso tenha sido para você a pedida).

Por não ter feito mais nenhum movimento. Apenas blábláblá.

Ainda mais pela garota ser mais velha, ela quer atitude.

Aí fica a dica simples do MDJC: tome uma atitude mais segura e convida. Caso a garota se faça de difícil, deixa a poeira baixar, veja se ela vai tomar iniciativa para compensar… e depois de um tempo quem sabe, você vai e convida novamente, sem apego, numa boa, como se ela nem tivesse recusado na primeira vez.

Se ela topar, garota de sorte. Se não, invista seu tempo em outra que valha a pena.

 

Abraço do DON